Mensagem dos Presidentes

O ano de 2016 foi um ano de transformação para a NOSSA. Além da eleição dos novos órgãos sociais para o quadriénio 2016-2019, (introdução de um novo modelo de governo) destaca-se a definição e início de implementação do Plano Estratégico, o ON2020, assente em quatro pilares basilares da nossa actividade:

(1) Clientes, definindo uma experiência Cliente que dê resposta às suas necessidades;

(2) Produtos, através da auscultação do mercado e adequação contínua da oferta;

(3) Cobertura Geográfica, assegurando a estratégia de presença em todo o território nacional e a proximidade física junto dos nossos clientes; e

(4) Canais de Distribuição, garantir a disponibilidade do produto atingindo os clientes de maneira mais precisa.

Apostamos no reforço das operações internas de Co-Seguro como forma de aumentar a retenção em Angola e gerindo de forma mais eficiente eventuais faltas de liquidez cambial na economia.

Verificamos uma melhoria no Resultado Técnico impulsionada pelo crescimento dos prémios brutos emitidos em cerca 7% e de uma gestão muito rigorosa ao nível dos sinistros o que permitiu, num contexto de elevada inflação, uma redução dos custos com sinistros na ordem dos 17%.

O desempenho na componente de investimentos teve um papel fundamental no crescimento do Resultado Líquido do Exercício, que se cifrou em 826.937 Milhares AOA. Os rendimentos financeiros de investimentos representam 11% dos prémios brutos emitidos no ano e cresceram, em relação a 2015, 129%.

Esta abordagem permitiu consolidarmos a nossa operação e os indicadores de solidez e solvência da empresa, como se pode verificar pela cobertura de 195% da margem de solvência, não considerando a proposta de distribuição de dividendos, e de um ROE de 31%.

Foi também um ano de importantes realizações. Iniciámos o processo de revisão da nossa oferta, incluindo a comercialização de Fundos de Pensões Fechados e a construção de modelos tarifários mais flexíveis. Mantivemos o foco na optimização de procedimentos internos, operacionais e de suporte, de forma a melhorar a qualidade do nosso serviço e a adequação das políticas internas de Capital Humano, de salvaguardando os nossos colaboradores do contexto económico adverso que se verificou.

Destacamos também em 2016, a manutenção do nosso rating internacional IFS pela Fitch Ratings em “B” com um Outlook Negativo, acompanhando assim, o rating soberano. Mais importante que o resultado obtido, o rating exprime a nossa disciplina financeira e de transparência o que reforça a nossa credibilidade.

Em 2017, queremos ser mais competitivos, estar preparados e aptos para os grandes desafios do mercado, reforçando os propósitos de criação de valor da NOSSA Seguros.

 


Presidente do Conselho de Administração

José Massano

Presidente da Comissão Executiva

Carlos Duarte